Hacker é suspeito de invadir sistemas do Ministério da Saúde

Da Redação
22/05/2024

A Polícia Federal cumpriu, ontem, dia 22 de Maio, um mandado de busca e apreensão na residência de um suspeito de cibercrime em Nanuque, Minas Gerais. A pessoa investigada é suspeita de ter feito publicações em redes sociais, afirmando ter invadido sistemas do Ministério da Saúde e subtraído informações do CadSus. Com essa invasão, o hacker teria exposto dados de 2 milhões de brasileiros na Deep Web, como simples amostra daquilo que havia roubado.

O mesmo hacker ainda é conhecido por ter realizado invasões a outros sistemas e ataques de desfiguração (defacement) de sites de órgãos governamentais. Com as provas localizadas durante o mandado de busca, o investigado responderá pelos crimes de invasão de dispositivo eletrônico e receptação de dados pessoais.

Veja isso
Quadrilha copiou dados de 3 milhões de cartões em São Paulo e Minas Gerais
Hackers usam dia zero da Cisco para violar redes de governos

Vários hackers já alegaram ter invadido sistemas do Ministério da Saúde, entre os quais o grupo Lapsus$, que em Dezembro de 2021 desfigurou a home page do site do Ministério da Saúde. Na época, o grupo anunciou que tinha de dados e que poderia fazer dump (despejo ou exposição) desse material. Segundo informações obtidas pela CNN, a Polícia Federal concluiu na época que o grupo não teve acesso aos dados da saúde no acesso aos servidores do Ministério.

Compartilhar:

Últimas Notícias