UE planeja ter serviço próprio de DNS para maior segurança

Autoridades do bloco econômico dizem que construção de uma infraestrutura própria visa garantir segurança cibernética e privacidade de dados
Da Redação
19/01/2022

A União Europeia (UE) planeja construir uma ampla infraestrutura para serviço de DNS com objetivo de atender a todos os seus 27 estados membros. O serviço será disponibilizado gratuitamente às instituições do bloco econômico e ao público em geral. 

O serviço proposto, chamado DNS4EU, está atualmente em fase de planejamento de projeto, e a UE está procurando parceiros para ajudar a construir a infraestrutura. Autoridades disseram que começaram a procurar um serviço de DNS gerenciado centralmente baseado na União Europeia depois de observar a consolidação no mercado de DNS em torno de um pequeno número de operadoras de fora da região.

Veja isso
Ataque sequestra DNS e congela serviços do Ministério da Saúde 
Nova falha permite DDoS sobre servidor DNS

“A implantação do DNS4EU visa se contrapor a essa consolidação do mercado de DNS nas mãos de poucas empresas, uma vez que isso torna o processo de resolução vulnerável no caso de eventos significativos que afetam um grande provedor”, disseram autoridades envolvidas no projeto de infraestrutura DNS4EU ao site The Record. 

As autoridades da UE disseram que outros fatores também desempenharam um papel em sua decisão de construir o DNS4EU, incluindo segurança cibernética e privacidade de dados.

Compartilhar:

Últimas Notícias